Briga por som alto em Goiânia termina com jovem esfaqueada no peito pela concunhada, resultando em sua morte, informa polícia

Notícias Policiais

Emily Victoria Pereira, uma jovem de 20 anos, perdeu a vida de forma trágica em Goiânia após ser esfaqueada no peito pela sua concunhada durante uma discussão acalorada sobre som alto. De acordo com informações da Polícia Militar, a tragédia ocorreu quando a concunhada reclamou do barulho, o que levou Emily a provocá-la mencionando uma suposta traição entre a acusada e o cunhado, que é namorado da agressora.

Fonte: Globo

A identidade da suspeita não foi revelada, o que impediu o G1 de entrar em contato com sua defesa até a última atualização desta reportagem. A própria suspeita admitiu o crime em depoimento à polícia.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o barulho em questão era proveniente de uma festa realizada na residência do namorado de Emilly, ocorrida na quarta-feira passada (28). O casal vive em lotes diferentes, em barracões separados.

No Setor Vila Mauá, na Avenida das Bandeiras, ocorreu um crime trágico na última sexta-feira (30), por volta das 23h. A vítima, Emilly, foi encontrada sem vida pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que havia sido acionada para prestar socorro à jovem.

De acordo com a Polícia Militar, logo após o ataque, o namorado de Emilly tentou agredir a concunhada, apontada como autora do crime, e o namorado desta, que é irmão da suspeita. No entanto, eles conseguiram se trancar dentro de casa.

A suspeita foi detida e encaminhada à Central de Flagrantes. Caso seja indiciada e condenada, poderá responder pelo crime de homicídio.