Com inelegibilidade de Bolsonaro, Planalto direciona atenção para 2024 e deixa de mencionar ex-presidente

Após o término do julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que resultou na inelegibilidade de Jair Bolsonaro (PL), o Palácio do Planalto decidiu adotar uma nova postura, deixando de mencionar o ex-presidente e concentrando esforços em estratégias para derrotá-lo nas próximas eleições municipais de 2024, especialmente em cidades-chave como São Paulo, Rio de Janeiro e […]

Continue lendo